Adquisición hostil de una empresa de capital abierto:

métodos de aplicación y mecanismos de defensa (artículo en portugués)

  • Matteo Ferraz Ungarelli Faculdade de Direito de Vitória – FDV
  • Alessandra Lignani de Miranda Starling e Albuquerqu Faculdade de Direito de Vitória – FDV
Palabras clave: Adquisición hostil, empresa de capital abierto, mecanismos defensivos

Resumen

Este documento investiga los dos medios principales para llevar a cabo una adquisición hostil de una empresa de capital abierto (hostile takeover), a saber: (I) la realización de una Oferta Pública de Licitación para controlar una empresa que cotiza en bolsa; (II) a través de la denominada escalada bursátil en Bolsa. Este artículo también analiza el mecanismo defensivo preventivo contra adquisiciones hostiles denominado poison pills, así como los siguientes mecanismos defensivos represivos: (I) greenmail; (II) standstill agreement; (III) white knight; (IV) white squire; (V) Capital structure changes; (VI) litigation; (VII) pac-man defense; (VIII) Crown Jewel. Con el objetivo de alcanzar los objetivos descritos, este artículo hace uso de la investigación bibliográfica y documental.

Biografía del autor/a

Matteo Ferraz Ungarelli, Faculdade de Direito de Vitória – FDV

Graduando em Direito pela Faculdade de Direito de Vitória - FDV.

matteoungarelli2@gmail.com

Alessandra Lignani de Miranda Starling e Albuquerqu, Faculdade de Direito de Vitória – FDV

Advogada atuante na área Empresarial: Societário, Empresas Familiares, Negociação, Compliance, Propriedade Industrial, Recuperação de Empresas. Professora de Direito Empresarial da Faculdade de Direito de Vitória - FDV - Coach Life and Professional- Membro da Sociedade Brasileira de Coaching - SBC com enfoque na área jurídica. Doutoranda em Direitos e Garantias Fundamentais pela FDV - Mestre em Direito Empresarial pela Faculdade de Direito Milton Campos - FDMC. Graduada em Direito pela Universidade Federal do Espírito Santo – UFES.

alessandralmsa@gmail.com

Citas

BRASIL. Lei nº 6.404, de 15 de dezembro de 1976. Lei das Sociedades Anônimas. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l6404consol.htm>. Acesso em: 17 de outubro de 2020.

BOTREL, Sérgio. Fusões & Aquisições. 5 ed. São Paulo: Saraiva, 2017.

COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS (CVM). Instrução CVM n. 358 de 3 de janeiro de 2002. DOU, Brasília, 28 de janeiro de 2002.

COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS (CVM). Instrução CVM n. 361 de 5 de março de 2002. DOU, Brasília, 28 de janeiro de 2002.

COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS (CVM). Parecer de Orientação n. 036, de 23 de junho de 2009. DOU, Brasília, 29 de junho de 2009.

CRUZ, André Santa. Direito empresarial – Volume Único. 10 ed. São Paulo: Gen/Editora Método. 2020.

DA SILVA, Diego Yago Rodrigues. Hostile Takeovers & Shark Repellents: Reflexões Sobre a Dispersão Acionária no Brasil e Medidas Defensivas Contra a Tomada Hostil do Poder de Controle. 2017. 64 f. Monografia (Pós-graduação Lato Sensu em Direito Societário – LLM) - Insper Instituto de Ensino e Pesquisa, São Paulo, 2017.

DAVID, Oscar A., JUNEWICZ, James J., WEBER, Karen A., SHAKE, Lindsay C. Is Now the Time for Companies to Adopt a Shareholder Rights Plan? Winston & Straw LLP. Disponível em: <https://www.winston.com/en/capital-markets-and-securities-law-watch/is-now-the-time-for-companies-to-adopt-a-shareholder-rights-plan.html>. Acesso em: 17 de outubro de 2020.

EXPLORING YOUR MIND. White Knight Syndrome and Saviors. Disponível em: <https://exploringyourmind.com/white-knight-syndrome-and-saviors/>. Acesso em: 30 de outubro de 2020.

GAUGHAN, Patrick A. Mergers, Acquisitions, and Corporate Restructurings. 6 ed. Hoboken: John Wiley & Sons, 2015.

GORGA, Érica.As poison pills americanas e as supostas poison pills brasileiras. Migalhas. Disponível em: <https://migalhas.uol.com.br/depeso/67358/as-poison-pills-americanas-e-as-supostas-poison-pills-brasileiras.>. Acesso em: 17 de outubro de 2020.

PRADO, Roberta Nioac. Oferta Pública de Ações Obrigatória nas S.A. – Tag Along. São Paulo: Quartier Latin, 2005.

VIEIRA, Jorge, MARTINS, Eliseu, FAVERO, Luiz Paulo Lopes. Poison pills no Brasil: um estudo exploratório. Rev. contab. finanç. vol.20 no.50 São Paulo May/ Aug. 2009. Disponível em: <https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-70772009000200002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt>. Acesso em: 17 de outubro de 2020.

ZANINI, Carlos Klein, A poison pill brasileira: desvirtuamento, antijuridicidade e ineficiência, in Temas de Direito Societário e Empresarial Contemporâneo, coord. M. V. ADAMEK, São Paulo, Malheiros, 2011.

Publicado
2021-03-17
Cómo citar
Ferraz Ungarelli, M., & Lignani de Miranda Starling e Albuquerqu, A. (2021). Adquisición hostil de una empresa de capital abierto:. Derecho Y Cambio Social, (64), 183-197. Recuperado a partir de https://lnx.derechoycambiosocial.com/ojs-3.1.1-4/index.php/derechoycambiosocial/article/view/490
Sección
DERECHO COMERCIAL - EMPRESARIAL - FINANCIERO